Playtest: Maldita Criatura!

Phil Souza do blog Dados Limpos apresenta seu RPG ainda em fase inicial de playtest. Abaixo o release do jogo, com várias informações sobre como o RPG funciona.

Não conhecem o que é RPG? Vamos lá:

Para pessoas que não sabem o que é RPG… Um maníaco fantasiado em busca de vingança espreitando com uma faca suas vitimas adolescentes. Uma raça alienígena em busca de “comida” em uma nave espacial no futuro. Uma epidemia que transforma pessoas em assustadores e famintos zumbis. Espíritos em busca de vingança dentro de uma casa abandonada. Uma força do inferno libertada por ocultistas inexperientes.

Seja qual for o motivo, uma Maldita Criatura está a solta e vai espalhar terror e mortes por onde passar. Maldita Criatura reunirá seus amigos em volta de uma mesa para contar uma história de terror como as que você assistiu na sua infância pela tevê ou nos cinemas, um gênero que até hoje é bem presente nas produções cinematográficas de Hollywood. Sinta a tensão de ver seu personagem ser encaminhado para o inevitável encontro com a morte sem saber ao certo se ficará vivo ou morto após o confronto. A sobrevivência dos seus personagens é uma questão de sorte (ou de importância dos mesmos no roteiro) e morrer é uma conseqüência comum, faz parte da história. Lute pela vida usando todos os recursos que tem a mão (se ainda tiver uma) lembrando que seja qual for, sempre haverá um preço a se pagar. Arraste-se enquanto houver vida por que a criatura está vindo. E se ela te encontrar… Você não terá muito que fazer…

Para jogadores de RPG…

Maldita Criatura é um RPG que busca simular filmes de terror cheios de mortes, o jogador é convidado a sentir na pele que sua vida é insignificante e estar vivo pode ser na maioria das vezes uma questão de sorte. O suspense de não saber qual será seu destino até o momento do encontro com o assassino, além do teste de sobrevivência simples e cruel. Recursos de Cena podem ser usados para trazer estratégia ao jogo e dar a vocês jogadores a “esperança” de que alguém pode sair vivo. E a cada vez que sobreviver será mais difícil para você morrer, afinal, não são os atores menores que morrem nos primeiros encontros com assassino? Com sorte seu personagem agora pode se tornar a nova Sidney Prescott (Neve Campbell em Pânico) ou novo Major Alan Dutch Schaefer (Arnold Schwarzenegger em Predador). Quem sabe algumas continuações? Boa sorte!

As pessoas comentaram o jogo e o autor já faz algumas considerações sobre o jogo:

  • Na descrição da Trilha do Medo o sentido sugerido para ler a Trilha é errado, sugerir acompanhar os valores da esquerda para direita é complicado levando m consideração que dependendo do lado da mesa a esquerda e direita da pessoa irá mudar.
  • Na parte sobre as Cartas do Obituário a quantidade total de cartas e as com a opção Sobrevida está errada.
  • Alguns erros de português que passaram despercebidos na revisão.
  • O nome “Recursividade” não é muito adequado, é interessante que se pense em outro nome mais correto para o Teste de Recursos.

Agora algumas coisas que eu quero desenvolver ainda e colocar em Maldita Criatura: Mais exemplos de situação das regras.

  • Um capítulo só sobre a morte dos Personagens e todos os aspectos, seja em regras, quanto aspectos narrativos, que a envolvem.
  • Um capítulo discutindo possibilidades de cenários e filmes que Maldita Criatura cobre (sai no blog).
  • Uma explicação melhor e maior sobre a relação Diretor e Personagem.
  • Uma explicação maior sobre Objeções.
  • Mais opções de habilidades no Epitáfio das Cartas do Obituário.
  • Uma regra opcional sobre o uso de máscaras pelos diretores (sai no blog)
  • Aventuras para o jogo (Sai no blog)

Baixe agora! Faça o download aqui.

PS: Na hora que li na descrição “filme de horror cheio de mortes” escolhi esse jogo de Super NES que segue exatamente esses preceitos.

O nome dele? Clock Tower.

5 comentários sobre “Playtest: Maldita Criatura!

  1. cara isso tá meio chupinhado do rpg “Geiger Counter”… de qualquer forma acho que deve ter uma mecânica mais simples, ou mais clara, algo que caiba em 2 páginas… a meu ver essa mecânica tá muito pesada para a proposta do jogo.

  2. Pingback: Curtas: Fiasco, Maldita Criatura, Tagmar II, Lex Imperia, Fronteira Final « RPG News

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s