Crítica: Tokusatsu GaGaGa (dorama)

Tokusatsu_Gagaga-p1Tokusatsu Gagaga (トクサツガガガ) é um dorama que é uma forma de chamar novelas japonesas, coreanas ou mesmo chinesas. Ele é baseado no mangá de mesmo nome de autoria de Tanba Nawa e conta a história de Kano Nakamura (Fuuka Koshiba, Serviço de Entregas de Kiki), uma “hidden otaku”, ou seja, uma otaku, no Japão, o significado desta palavra é um fã extremo de qualquer coisa enquanto no Brasil é geralmente usado para um fã de coisas orientais, geralmente anime e que como adulta, ela tem medo de revelar que gosta destas “coisas infantis”. Sim, este é um review diferente dos que faço e ainda estou preparando mais um. Aliás, conhecem algum “hidden RPGista”?

Kano é fã de dois seriados: Juushowman, um metal hero al qual Gavan, Sharivan, Shaider e um supersentai chamado Jyushouwan, que tem óbvias ligações com Gekiranger e GaoRanger. A série, apesar de produzida pela NHK, TV estatal japonesa, contou com apoio da Toei, que exibe estes tokusatsus e do JAE (antigo JAC), grupo de dublês sempre atuante nas produções da Toei cujo um dos fundadores é o Hiroshi Watari (Spielvan, Sharivan e Boomerman em Jaspion).

resize

Uma parte do elenco: Shishi Leo, Damian, Kano e mãe da Kano

O maior problema de Kano é a sua mãe (Yuki Matsushita, de trocentos doramas), que nunca aceitou sua paixão por tokusatsu desde a infância e a qual ela chegou a perder durante o período escolar. No trabalho, o qual ela é uma OL (office lady, garota que trabalha em escritório na China e no Japão) ela não revela do que ela gosta, nem para as suas principais amigas lá, Yuki-Chan (Rena Takeda, Kamen Rider Amazons) e Mai-chan (Mikoto Uchiyama, SKE48). Há também os rapazes Onoda (Takafumi Honda da banda BOYS AND MEN) que de certa forma tem interesse em Kano e o piadista Charahiko (Yuki Morinaga, Tsutomu Komano nos dorama Chihayafuru). Outra personagem importante da empresa é a Kitashiro (Haruka Kinami, Jiji Sama de Kurage Hime – Princess Jellyfish), sempre mal humorada.

Tokusatsu GaGaGa - 04 (NHK-G 1440x810 x264[10-b] AAC 30fps) [BDEBA499].mkv_snapshot_39.49_[2019.03.26_01.39.15]

Na rua, entrando na loja do Sr. Yakuza ou Ninkyou (Manabu Takeuchi do duo de comédia KAMINARI) o qual ela morre de medo devido a fama deste, ela encontra o garoto Taku Tamiya, a qual a chama de Damien (Kokoro Terada), referência a série A Profecia, na qual ela disputa um boneco de Shishi Leo, o membro vermelho de Juushowman e se torna o principal conselheiro dela. Por fim, pegando o trem para casa, ela encontra Yoshida (Kana Kurashina, Akari Kawamoto nos dois filmes Sangatsu no Raion) fã do Toraiger, a qual ela quer chamar a atenção.

É possível dividir a série em quatro partes: Introdução (episódio 1), desenvolvimento (episódios 2 e 3), filler (episódio 4 e 5) e relação com a mãe (episódios 6 e 7). O primeiro episódio ilustra a Kano e seus companheiros de trabalho, a apresentação do Damien e do senhor Ninkyou. No segundo, ela conhece a Yoshida, que é fã do Toraiger e aparece no metrô no primeiro episódio, ambas assistem um show ao vivo do Toraiger e do Emerjason. No terceiro episódio, Kano vai a uma drinking party com os companheiros de trabalho e também busca o terceiro membro (ops, terceira membra) do grupo. Primeiro Mai, mas depois há um segredo descoberto sobre Kitashiro que vem a público e ajuda no conhecimento do passado dela.

O episódio 4 apresenta o passado de Kitashiro e sua ex-amiga, que voltam a fazer as pazes, Miyabi e a banda Bee Boys (que na vida real é Boys and Men, da qual o ator do Onoda faz parte), muito do episódio é desenvolvido no karaokê com as músicas do Bee Boys, Emerjason e o seriado de preferência do senhor Ninkyou que é o Love Cutie (uma paródia de Pretty Cure, também da Toei). O episódio 5 é um filler: Elas vão a praia para tirar fotos, ainda que tenha algumas relações com a infância da Kano, ela se desenvolve mais nas fotos “sensuais” na praia e na conversa com a filha do dono do restaurante local.

Dz8S08zUcAAPbpA

O final da série é nos episódios 6 e 7 no qual aparece o irmão dela, Nozomu Nakamura (Gota Watabe, ator de vários doramas), já casado e meio que a mãe deles queriam que ele fosse exemplo para a Kano. É aqui que todo o humor desenvolvido nos episódios anteriores cede lugar ao drama em si, apesar que aparece um possível par romântico para a Kano no início, ela conversa com a mãe do senhor Ninkyou e compara com as ações da sua própria, que não irão passar o ano novo juntas, já que ela morre de medo da mãe. A cena final do episódio 6 é impactante e leva a pensar se Kano faria isso baseada nos outros episódios. Por fim, no episódio 7 encerra-se a série com o encontro de Kano com uma fita VHS antiga com um episódio final de Emerjason e seu discurso motivacional e um final esperado. Esse episódio contém trocentos cameos mas o mais importante, sem dúvida, é Hiroshi Miyauchi, ator que fez muitos personagens importantes para o tokusatsu: Akira Shinmei/Aoranger em Himitsu Sentai Goranger, Soukichi Banba/Big One em JAKQ Dengekitai, Chief Councillor Naoyuki Miura em Chōriki Sentai Ohranger, Kazami Shiro em Kamen Rider V3, Ken Hayakawa em Kaiketsu Zubat e Chefe Shunsuke Masaki em Exceedraft/Solbrain/Winspector e por fim, fez com Sonny Chiba o filme Sister Street Fighter.

hirohimiyauchi

A lenda Hiroshi Miyauchi

Tokusatsu Gagaga é uma série muito boa, empolgante, e que motiva torcer para uma segunda temporada, que depende muito da parceria NHK e Toei e da audiência, já que não há brinquedos, só o DVD/Blu Ray deverá vir com um chaveiro do Shihsi Leo. A atuação dos atores é bem divertida, ainda que a da Fuuka Koshiba parece não ter empolgado muito. Eu particulamente adoro, basta ver as caras que ela fqaz ao final de cada preview de episódio. Gosto muito da atuação dos outros atores, a destacar a mãe de Kano, já que ela traz uma boa carga de experiência. As amigas dela e o Sr. Ninkyou também são excelentes, as cenas quando ele encontra o seu companheiro de Kaminari, que aparece em várias funções durante o episódio, seja como policial ou garçon do karaoké. Por fim, a série é bem amarrada, apesar de não seguir a risca as edições do mangá, fora de ordem. Ele chega mais ou menos até a edição 10, o mangá atualmente se encontra na edição 19 e continua a ser publicado, então ainda há muito para ter uma nova temporada. A série ficou nos TT mundiais do twitter e ganhou uma exposição, inclusive. Aguardemos. É possível achar a série legendada em português e em inglês, que foi que assisti. Não vou deixar nenhum link aqui, mas é possível achar fácil.

Por fim, alguns vídeos legais sobre a série:

Música-tema pela banda Golden Bomber

 

Trailer da série:

 

Análise preliminar do Mega Hero:

 

Análise preliminar do Senpai TV:

1541472477_photo

Um pensamento sobre “Crítica: Tokusatsu GaGaGa (dorama)

  1. Pingback: Crítica: Kamen Rider Zero-One (sem e com spoilers) – RPG News

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.