3DeT Victory e A Era das Arcas: O que vem por aí?

Na Dragão Brasil #164 tivemos uma novidade: 3D&T passaria por reformas e ganharia uma nova edição. O sistema ganharia novos autores que já tinham colaborado com vários artigos sobre o jogo e com livros, como o Tormenta Alpha e o Manual do Defensor. Aqui somente vou dar uma pincelada por cima acerca a nova versão que deverá sofrer alterações até o lançamento oficial. Altamente recomendado buscar as edições das revistas para maiores informações.

(Sim, a grafia agora é 3DeT e não 3D&T, bem mais fácil de buscar)

O novo 3D&T passará a se chamar 3D&T Victory em homenagem a série de quadrinhos publicada no início dos anos 2000 e que trazia Vitória, uma elfa semideusa de Arton no mundo atual onde enfrentava deuses-monstros do mesmo mundo mágico e que também homenageia Street Fighter Victory (a série de animação).

Dragão Brasil #164

Capas: Adaptação Jujutsu Kaisen (3D&TA e M&M) e aventura A Torre do Mago (T20)

Um Longo Caminho – Nesta edição tem início a Liga dos Defensores com um artigo do Marlon Teske falando sobre a origem do 3D&T (como Defensores de Tóquio) até chegar a versão Alpha. Ao final tem “E o futuro?” no qual ele afirma que sim, está trabalhando com uma nova edição e anuncia a Liga dos Defensores, que passa a ter edição mensal na revista. A Liga começa mesmo na próxima edição.

Dragão Brasil #165

Capas: Adaptação Wandavision (sem sistema) e Um Mundo de Mechas (Tormenta Alpha)

Características – A discussão dessa coluna escrita por Bruno Schlatter (o BURP) a Liga dos Defensores é sobre Características que no padrão até Alpha era o tradicional Força, Habilidade, Armadura, Resistência e Poder de Fogo. Discute-se a inclusão de mais características (como Inteligência) ou a retirada delas, deixando só Poder, Habilidade e Resistência. Também discute-se a possibilidade de um 3D&T Fractal (aonde se cita a origem em FATE, mas na verdade é do pai dele, FUDGE) no qual adota-se características conforme o personagem ou cenário como um Paladino ter as Características Paladino 3 e Guerreiro 2.

O time do novo 3D&T – O maior destaque está na seção extra que está disponível somente para quem paga o pacote de 20 reais, o novo time é formado por Bruno “BURP” Schlatter que desenvolveu o Manual do Defensor (que originalmente era o BD&T) além de desenvolver o Magibol e outras edições com regras bem alternativas que estão na Dragão Brasil como Técnicas de Luta (DB#147 e DB#163). O segundo do time é Marlon “Armageddon” Teske responsável pelo Tormenta Alpha, Manual dos Monstros e Manual da Magia e ressalta os doze anos da edição Alpha e por fim, o Tiago Henrique “Oriebir” que colaborou no Manual dos Monstros e as adaptações de Pokémon entre as DBs 136 e 138.

Dragão Brasil #166

Capas: Adaptação Demon Slayer – Kimetsu no Yaiba (3D&TA e IdJ) e Arena de Valkaria (T20)

Os Três Pilares – No artigo de Tiago “Oriebir” Os novos pilares da nova edição de 3D&T: “Efeito, não causa” que é o mais ligado a regra, no qual as características (Característica, Perícia, Vantagens) definem o personagem e o equipamento e como este funciona, se você tem uma F3 e diz que tem espada, você tem uma espada, se tem um PdF 5 e usa um sapato de arma, é um sapato que você usa. O segundo é “Seguindo o fluxo” que é a busca por diversão ao projetar um jogo (e ao jogá-lo também, lógico). O terceiro é “Não me faça pensar” que menciona um anúncio antigo do Revisado, Ampliado e Turbinado que demonstrava a facilidade de se fazer uma ficha no sistema, como o 3D&T Alpha ficou inchado, com regras conflitantes. Então o objetivo para a nova versão é deixá-lo rápido e prático tal qual o original Defensores de Tóquio.

Dragão Brasil #167

Capas: Mass Effect (3D&TA) e Joias para Lamashtu (T20)

Jogando e rolando – Artigo do Marlon Teske que fala sobre as mudanças nos testes, desde o manual vermelho no qual cada ponto de característica era um dado, a Força de Ataque e Defesa do Turbinado o que gerava problemas em Características 5+. Aqui sugere duas alterações: Jogadas contra dificuldade (estilo D&D3) ou usar uma variante similar a Vantagem típica do D&D5 de quando se é perito em uma característica, que irá consumir PdMs. Também aborda níveis de sucesso e falhas críticas e buscar um jogo mais rápido. Além do D&D5 dá para incluir aqui inspirações em D6 System (do Star Wars, MIB e Hércules & Xena) e In Nomine (quando mencionam o 666 nos dados) e vai limitar a três dados para cada teste.

Dragão Brasil #168

Capas: Conto Gloriosos Diários e Adaptação Berserk (T20)

Poder Supremo – Artigo do Marlon Teske sobre as mudanças nas regras de poder supremo, que passa a ter escalas inferiores (Mushi, Ningyo e Chibi) e as tradicionais superiores (Sugoi, Kiodai e Kami) que somam entre -6 e +6 ao contrário da :10 e x10 das anteriores e aqui o limite dos três dados cai. Também há vantagens com escala: Ataque especial titânico, Defesa titânica, Golpe arrasador e Poder oculto. Aqui ressalta o quanto que as regras ainda estão em discussão e que poderão ser alteradas (vale para qualquer uma resumida daqui).

Dragão Brasil #169

Capas: Monster chefe (T20) e Guility Gear (3D&TA)

Perícias – Artigo do Paladino e do Tiago “Oreibir” no qual eles estão trabalhando com doze Perícias com Perícias mais abrangentes do que as de Alpha: Animais, Arte, Conhecimento, Esportes, Luta, Manha, Manipulação, Máquinas, Misticismo, Medicina, Percepção e Sobrevivência. Quando a pessoa passa a ser Perito ganha um dado extra para somar no resultado. Note que Luta também passa a ser Perícia, tanto para corpo-a-corpo quanto para distância.

Dragão Brasil #170

Capas: A Era das Arcas (3D&TV) e Kaijus (3D&TA e M&M)

Poder infinito – Artigo do Marlon Teske – Antes em atributos altos, o erro acontecia ao tirar seis no dado, para resolver isso, em 3D&TV, de início pretende que todos os valores acima de 5 custem dois pontos. Os testes passam a ser feitos contra metas, sendo a meta 20 heroica e 50 divina.

Dragão Brasil #171

Capas: 3D&T Victory (3D&TV) e Deathloop (sem sistema)

Movimentação – Artigo do Bruno Schlatter, no qual no 3D&T Victory que tenta unificar as regras de movimentação e posicionamento que separa em Perto, Longe e Muito Longe, além de Fora de Alcance, e mesmo para queda conta além de regras de terreno difícil, queda e viagens longas, buscando um modelo mais robusto e mais simplificado.

Espera… Maids? (Mao Ichimichi como Luka Millfy de Gokaiger)

A Era das Arcas (Dragão Brasil #170 e #171)

A Era das Arcas será o novo cenário da Dragão Brasil que será apresentado no livro básico e nos acessórios. Fora isso, também será publicado em light novels, sendo que a primeira se passará n’A Era das Arcas (veja abaixo) e terá dois volumes e textos de Marcelo Cassaro e Marcela Alban e arte de Erica Awano. Ele será formado por cinco núcleos. Os dois primeiros foram apresentados na DB#170 e os três subsequentes na DB#171, lá elas estão com as descrições bem mais completas:

  • Era das Arcas – Tem início com a terceira convergência que com Vitória (a mesma personagem da série Victory) e liderou grupos de aventureiros em busca da paz e a reconstruir a sociedade terrena. Com a sociedade reconstruída, Elfos, anões, goblins e outros encontraram seus lugares no mundo, em um mundo similar a Terra atual. O mundo é formado por Arcas (ou masmorras, dungeons) que podem ser acessados por glifos (portais mágicos) e são exploradas por arcanistas, a capital arcanauta (ou da Terra) é Vallindra;
  • Espada da Galáxia – Na terceira convergência os Metalianos chegaram e após eles, os Traktorianos e seus respectivos planetas, a guerra entre eles e a Terra no meio. O NORAD foi veiculado a ONU e agora se chama A ORDEM, sendo que a UFO Team que se destaca no espaço exterior e o Exército da Luz que atua na segurança do planeta e a megacorporação Xenocorp que atua na área da computação, manipulação genética e robótica;
  • UniPotência – Situada na cidade de Akibara aos pés de Monte Fuji possui as seguintes áreas de ensino: Supers, Magos, Ninjas, Mechas, Maids, possui subdivisões como a Escola Superior SAVE (Superação da Ameaça e Violência Ecumênica) que acolhe os jovens com super poderes, o Liceu de Artes Arcanas, o Ginásio Ninja Akibara, Alta Academia Gattai e o Instituto Maior de Intendência
  • Operação Arsenal – Grande Torneio da Ilha Martelo em uma ilha isolada no Pacífico e transmitido mundialmente com convidados artistas marciais e combatentes de todo o mundo que começam a combater em grupo e posteriormente enfrentar o Senhor da Ilha, que somente foi derrotado uma vez até hoje. A Ilha é habitada pelo Exército ARSENAL que atua em toda a Terra e é comandado pelo General Púrpura e que tem o rumor de ter mechas ao redor da arena
  • Tormenta Alpha – Trata-se de um VRMMORPG que conta com mais de cem milhões de jogadores ativos e que se passa em um mundo chamado O Reinado que possui “castelos e cavaleiros, e também magia, dragões, elfos e outros seres fantásticos e metrópoles enormes, barcos voadores, robôs tecnomágicos. E muito mais!”. A empresa que o criou se chama PantheonSoft Co Ltda.e possui várias DLCs (expansões) e que muitos os viajantes reconhecem como similar a sua terra Natal e está voltando a ser um mundo de problemas com suas áreas vermelhas que são as partes defeituosas do jogo.

Brigada Ligeira Estelar

Alexandre Morais autor de Brigada Ligeira Estrelar anunciou que seu cenário também será adaptado para 3DeTV e o blog será por três mneses conduzido por autores convidados. Para mais informações, o texto pode ser lido mais aqui: https://brigadaligeiraestelar.com/2021/09/30/anuncios-importantes/

Pacotes da Dragão Brasil

Se você está afastado da revista, nossa indicação é aproveitar um dos dois pacotes da DB. O pacote 2020 traz as 12 edições que saíram ano passado por R$ 89.

Já o pacote 2016-2020 traz todas as edições desde o início da versão digital até o fim do ano passado. São 50 exemplares por R$ 189, ou seja, menos de R$ 4 por edição, incluindo a revista e todos os extras! É muito conteúdo: só de mapas de batalha são 35!

Pegando um dos pacotes, você também recebe a edição mais recente da revista e garante a próxima, para já ficar por dentro das novidades da Dragão Brasil. Vale muito a pena!

Para adquirir as edições antigas da Dragão Brasil, visite a Loja Jambô

Para adquirir os pacotes, leia a informação no Apoia-se

2 pensamentos sobre “3DeT Victory e A Era das Arcas: O que vem por aí?

  1. Excelente matéria Talude. Belo resumo do que está por vir em 3DeT Victory. Vamos continuar acompanhando essas novidades e teu site é uma ótima fonte de conteúdo. Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.