Lista de lançamentos em RPG para 2020/2021

Hoje a editora CHA preparou uma live na Twitch com várias editoras na qual fizeram parte com divulgação de lançamentos para este período deste ano e ano que vem. Confira abaixo uma lista dos possíveis lançamentos, os quais talvez não consiga listar todos e deu problema na minha conexão durante o Ex Ignorantia. Acompanhe a lista:

Continuar lendo

Financiamento coletivo: Nostalgia + Monad RPG – Late Pledge

nost
Perdido no gelado Cosmos, a humanidade navega em direção a segredos sombrios nesse RPG sci-fi.

Nostalgia é um cenário sci-fi escrito para o Monad System onde a humanidade embarca em 8 grandes arcas que viajam para o espaço, rumo ao desconhecido, e já foi financiado por via de uma campanha de financiamento coletivo bem sucedida pela plataforma Catarse. E se você não teve a chance de adquirir, agora é a hora.

Começou o Late Pledge que visa garantir mais alguns extras e upgrades pros livros, então embarque com a gente nessa, agora que as Arcas voltaram.

Continuar lendo

Financiamento Coletivo: Nostalgia: A Frota Nômade + Monad System

61340592_3268034536547358_6736102049915600896_n

Perdido no gelado Cosmos, a humanidade navega em direção a segredos sombrios nesse RPG sci-fi.

Ano 2078 – A Terra está em ruínas. Os Redespertadores, impassíveis visitantes humanoides, acompanhados por criaturas sobrenaturais chamados Phantasm, aparecem.

Ano 2123 – Oito Arcas espaciais aparecem perto de Júpiter. Os Estados Unidos são governados por uma poderosa IA, enquanto a Europa segue um distorcido ideal de supremacia evolutiva. Os Phantasm infestam cada cidade.

Ano 2148 – um bilhão de terráqueos sobe a bordo das Arcas que formam a Frota Nômade, enviada à humanidade por benfeitores desconhecidos. A viagem é sem volta e em direção a um objetivo desconhecido. Milênios se passam. Humanos, seres sintéticos e raças mutantes plasmaram os austeros níveis que dividiam as Arcas, transformando-os em micromundos. Todavia, a Queda da Unidade Central, novas tensões e uma epidemia mortal ameaçam transformar as Arcas em cemitérios voadores. Para aumentar a possibilidade de sobrevivência, cada nível é isolado dos demais.

Agora, depois de centenas de anos, os pesados diafragmas que dividiam os povos se reabriram misteriosamente. Civilizações que evoluíram por conta própria e de sua maneira, se encontram e se enfrentam, dando os primeiros passos no Novo Início.

Perdido no gelado Cosmos, a Humanidade navega em direção a segredos obscuros

Continuar lendo